Digite o código para ir direto ao produto

GigaLan Premium Cat.6 U/UTP

Definição

Sistemas de Cabeamento Estruturado para tráfego de voz, dados e imagens, segundo requisitos das normas ANSI/TIA-568-C.2 (Balanced Twisted Pair Cabling Components) Categoria 6 e ISO/IEC-11801, para cabeamento horizontal ou secundário entre os painéis de distribuição (Patch Panels) e os conectores nas áreas de trabalho, em sistemas que requeiram grande margem de segurança sobre as especificações normalizadas para garantia de suporte às aplicações futuras.

Características

  • Cabo de 4 pares trançados compostos de condutores sólidos de cobre nu, 23 AWG, isolados em polietileno especial.
  • Capa externa em PVC não propagante à chama, nas opções CMR e LSZH.
  • Cor padrão: Verde ou cinza para LSZH, vermelho ou cinza para o CMR. Outras cores sob consulta.
  • Apresenta margem garantida de 5 dB além dos limites de norma TIA-568-C.2 para o parâmetro de crosstalk.
  • Desempenho garantido por laboratório de terceira parte até 6 conexões em um canal de 100 metros.
  • A solução completa para Categoria 6 supera os requisitos para redes 1 Gigabit sobre cabos metálicos.
  • Marcação sequencial métrica decrescente (305 - 001 m) com gravação de dia/mês/ano - hora de fabricação, proporcionando rastreamento do lote.
  • Embalagem padrão: caixa tipo RIB (reel-in-a-box) com 305 m.

 Verifique todas as caracterí­sticas técnicas deste produto no documento de especificação.

Diretiva RoHS

Este produto está em conformidade com a Diretiva Europeia RoHS - uma medida restritiva ao uso de metais pesados na fabricação dos produtos e relacionadas à preservação do meio-ambiente.

Codificação

23400126
CABO TRANSMISSAO DE DADOS GIGALAN PREMIUM U/UTP 23AWGX4P CAT.6 CMR VM RIB
23400127
CABO TRANSMISSAO DE DADOS GIGALAN PREMIUM U/UTP 23AWGX4P CAT.6 LSZH IEC 60332-3 VD RIB

Comentários

  • Olá Horácio, Dentro da composição do lote fabril, há vários lances. Cada lance tem o seu \"test report”, como garantia de performance específica daquela fração de cabo que passou em processos intermediários. A quantidade de cabo avaliada e apontada nos relatórios de teste segue padrão normativo definido na TIA-568-C.2, NBR 14703 ou ISO/IEC 11801;

    DTC - Márcio Matoso - Apr 22, 2014
  • Olá Horácio, Dentro da composição do lote fabril, há vários lances. Cada lance tem o seu \"test report”, como garantia de performance específica daquela fração de cabo que passou em processos intermediários. A quantidade de cabo avaliada e apontada nos relatórios de teste segue padrão normativo definido na TIA-568-C.2, NBR 14703 ou ISO/IEC 11801;

    DTC - Márcio Matoso - Jan 17, 2014
  • Gostaria de saber se os testes elétricos são feitos para cada lote fabricado? e o \"lance\" que aparece no test report é total do lote em metros?

    Horácio - Jan 16, 2014
  • Caro Everton, A instalação deverá ser feita com o comprimento definido na TIA-568-C.2 ou na norma brasileira ABNT NBR 14565, onde é apresentado os limites para link permanente e canal. Para o link permanente, o comprimento máximo a ser lançado, de cabo com condutor sólido, é de 90 metros. Em relação ao link de canal, o comprimento máximo do link é de 100 metros, considerando os patch cords de conexão nos extremos, os quais somam 10 metros (referencial de 3m e 7 metros. A quantidade mínima para aquisição deste cabo é de 8235m (27 caixas), podendo ser fornecido em outras cores. Caso tenha alguma dúvida favor entrar em contato através do Fale Conosco.

    Márcio Matoso - Oct 7, 2013
  • Muito boa as especificações, mas só senti falta das informações sobre metragem minima a ser instalado.

    Everton Signoreli - May 15, 2013